Poetray

BannerFans.com
Google
 

segunda-feira, fevereiro 01, 2010

Pesa-me _ O livro do desassossego

"Pesa-me, realmente me pesa, como uma condenação a conhecer, esta noção repentina da


minha individualidade verdadeira, dessa que andou sempre viajando sonolentamente entre o

que sente e o que vê."

"E, por fim, tenho sono, porque, não sei porquê, acho que o sentido é dormir."
(Do livro do desassossego de Bernardo Soares)http://sites.google.com/site/solpoesiador/biografia-e-poemas/bernardo-soares

domingo, janeiro 03, 2010